VEMOS, OUVIMOS e LEMOS…não podemos ignorar!

 

  Uma criança, sem identidade do sexo feminino, arrasta-se em direcção a um campo de alimentação montado pelas Nações Unidas, algures no Sudão. Um abutre pousara a poucos metros e esperava pacientemente que a Mãe Natureza lhe servisse o almoço.

  O fotógrafo sul africano, Kevin Carter também está à espera. O que para ele iria ser mais uma entre as muitas dezenas de fotos que ja tirara naquele dia, transforma-se numa imagem memorável quando o animal surge e ocupa o mesmo plano. « Se ao menos o abutre abrisse as asas » – pensou.
Vinte minutos se passaram e o abutre não colabora. O fotógrafo acaba por desistir e tira várias fotos da menina e do animal, uma das quais ficará imortalizada na capa do New York Times como "símbolo da fome e do horror em Africa."
 
Depois de tirar as fotos, Kevin afasta o abutre, senta-se à sombra duma árvore, acende um cigarro, fala com Deus e chora, observando a criança esgotada e faminha, retomando a sua lenta e penosa marcha. Depois disso ficou deprimido e só dizia que queria abraçar a própria filha.
 
Passam-se 14 meses e Kevin recebe o Prémio Pulitzer por esta foto. Ao receber o prémio, Kevin Carter declarou que se sentia aborrecido com aquela fotografia.

 

  "É a foto mais importante da minha carreira mas não estou orgulhoso dela, não quero nem vê-la.
  Odeio-a. Estou muito arrependido de não ter ajudado a menina…"

 

  Quatro meses depois, envolto num enorme sentimento de culpa, Kevin Carter suicidou-se. Tinha 33 anos.

 

Referências:
http://www.hbo.com/docs/programs/kevincarter/index.html
http://www.time.com/time/magazine/article/0,9171,981431,00.html

 

  Esta foto, é por demais conhecida de todos nós e não a coloco para chocar, mas para nos fazer pensar neste paradoxo…
 
  "Enquanto na União Europeia se deitam no lixo toneladas de excedentes,por motivos que não consigo entender, em África MUITAS CRIANÇAS continuam a morrer de fome desta maneira…"
 
 
 
 
 
Kevin Carter era um jovem jornalista, cheio de ambições e pagavam-lhe para retratar a miséria humana.
Naquele momento ele viu apenas uma criança em sofrimento, mais uma de entre todas as que tinha visto e fotografado no Sudão. 
Não podemos colocar nas suas costas o pesado fardo de não ter feito nada!
Todos nós, fazemos tão pouco…
 
 
  
 
       O impávido e sereno mundo em que vivemos… 
…é o ABUTRE!
 
 
 
 
 

6 thoughts on “VEMOS, OUVIMOS e LEMOS…não podemos ignorar!

  1. Boa noite.
    Quero em primeiro lugar felicitar-te por este post…é verdade :fazemos tão pouco ou não fazemos mesmo nada…estamos centrados nos nossos problemas, nas nossas ambições e esquecemos que milhares de crianças e adultos morrem todos os dias vítimas da fome, vítimas de uma sociedade injusta, vítimas de uma sociedade indiferente  e egoísta…obrigada por mo relembrares.
    Fernanda

  2.  
         Boa tarde Mari,
     
               Retibuo, tua visita, com muito Prazer; gosto do que estou a Ver
               Neste Espaço; porquanto, tudo o que for feito em Prol da integridade
               Das Crianças me interessa de Sobremaneira. E, como tu tão Bem exemplificaste:
               Eu também acho que, o Fotógrafo pensou mais na sua realização Pessoal… Do que,
               No Perigo que aquela Criança estava a correr: A Fome e o facto de se tornar no
               Repasto daquela Ave de Rapina!…Acabou por se Suicidar… Sinal de que tinha ainda
               Uma Consciência que não o Libertou do Dever que ele esqueceu: Aquele de proteger
               Quem o não pode fazer por seus próprios Meios! Paz à sua Alma! Não Existem Pulitzers
               Que Valham a Vida de uma Criança!
     
                               Saúdo-te e fico agradávelmente surpreendido por todo o Amor
                               Que, dedicas às Crianças! Não sei se és Mãe?… Porém, se o és:
                               És Seguramente uma Óptima  Mãe! Também, te Felicito pelo apoio
                               Que estás a dar às Crianças que dele Necessitam! Eu próprio o Faço!
     
                                                       Abraço-te com Carinho!
     
                                                           Apolinário
     
                     

  3. Amiga este mundo egoísta não tem respeito não tem sentimentos nem se preocupa com o que aconteceu, este jornalista embora tarde compreendeu que honrarias não valiam a vida daquela criança se sentiu culpado sua consciência o empurrou acabando por se suicidar, todos nos somos culpados desta violência deste horror quando comodamente sentados em frente a um computador ou  á televisão  conduzindo o nosso bolide fechamos os olhos quando a imagem passa ,nao basta ser solidario é preciso fazer qualquer coisa ésta imagem é demasiado horrorosa , para que fiquemos impavidos existem organizaçoes que ajudam podemos ajuda las a ajudar bj vitorio
     

  4. ola amiga,
     
    Então como estas? Ja vi que feliz com o teu apadrinhamento…um gento muito lindo e nobre da tua parte. Sabes ja não vinha ao teu cantinho a uns dias e hoje ao ler a stuas últimas entradas, sobretudo esta  as lagrimas cairam….este mundo ainda tem tanta coisa ma…fome, violencia…crianças maltratads…enfim uma longa lista. Pergunto se isto algum dia mudara e o pior é que a resposta que encontro é sempre a mesma…acho que não….fico triste.
    Queria pedir-te autorização para colocar este teu post no meu blog….é o minimo que posso fazer….este e o  da apadrinhamento que fala da instituição.
    Um grande beijo linda amiga tens um coração de ouro.
     
    P.S. eu de facto estou melhor e mais alegre o trabalho ajuda….

  5. Olá  Princesa!!!Em tempos contactei-te, deixei de o fazer…porque te perdi de vista.
    Uma amiga em comum, a Céu, deixou no meu espaço, o teu contacto, visitei-te, e tenho estado a ler, o que tens escrito. Nós sabemos das coisas, mas…o nosso egoismo detém-nos!!!
    incapacitando-nos de dar a mão ao próximo…um sorriso não custa nada…dar a mão:
    Tão pouco! e nada fazemos por tão grande calamidade. Mas eu ainda pergunto???…
    Será que está na nossa mão resolver esta calamidade em pleno século 21 assistirmos a estas imagens que chocam o mundo???…
    A divulgação ajuda sim… a pelo menos termos a consciência que o nosso lindo planeta
    está  está doente…grávemente doente!…porque são as crianças, o futuro…e não pode haver vida numa raíz que está morrendo…
     
    Desejos de um bom domingo, gostei de ler a tua escrita  , mesmo deixando-me imprecionada com tudo o que li. Mas …esta é a nossa realidade.
    Sê feliz hoje e sempre
    Um beijo de
    Angelina
     
     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s